Uma FabLab no LdG ? Quem sabe. A ideia é boa

Tomei conhecimento pelo programa Fantástico desse domingo de um projeto chamada FABLAB. (fizeram uma prótese de mão em plástico para um menino)

Acho que estou atrasado pois não é tão novo assim, pois já existem 15 unidades no Brasil, mas achei a idéia fantástica, pois pode colocar ao alcance dos menos abastados a possibilidade de materializar suas idéias, malucas ou não, que possam ser fabricadas por impressoras 3D, CNC router, com cortes por fresas ou laser, etc...

É claro que para tudo isso é necessário dinheiro e espaço, mas acredito que pelo número de garagistas possivelmente interessados não seria difícil arrecadar dinheiro para compra de equipamento e fazer algo tipo uma cooperativa, que atenderia os cooperados com preços diferenciados e também ao público em geral com preços de mercado, afinal lucro é essencial para a sobrevivência do empreendimento. Acho que muitas ideias estão "engavetadas" a espera de uma chance.

Vou dar um exemplo prático: Tenho uma pequena indústria que precisa fazer um modelo 3D para fundição, em MDF, fresado por uma CNC router. Nada mais fácil que fresar MDF numa router. Acredito que, mesmo exagerando, pois já tive um CNC router, daria talvez umas 12 horas de trabalho, no máximo. O custo de mercado para esse serviço ronda 9.000 reais. Caro não? Principalmente levando em consideração que por uns 15 mil reais, ou menos, se pode comprar uma CNC router nova, capaz de fazer este serviço, e muitos outros no futuro, é claro.

É apenas uma idéia, e com certeza existem muitas coisas a considerar, mas como o LdG é um "ninho cheio de professores Pardais" talvez tenha algum futuro.

Um abraço,

Lauro Becker

Exibições: 826

Comentar

Você precisa ser um membro de Laboratorio de Garagem (arduino, eletrônica, robotica, hacking) para adicionar comentários!

Entrar em Laboratorio de Garagem (arduino, eletrônica, robotica, hacking)

Comentário de Marcelo Rodrigues em 15 março 2016 às 9:09

Alexandre,

Obrigado por valorizar nossa comunidade, e acima de tudo, compartilhar e ajudar as pessoas.

Unidos nosso conhecimento se soma.

Abraços!!

Comentário de Alexandre em 14 março 2016 às 15:56

Acho que, a seu modo, o Labdegaragem já é um grande hackerspace (FabLab, chamem como quiserem!). Nos 4 anos q tenho frequentado aqui, só pelo chat e fórum, perdi as contas de quantos projetos vi sendo desenvolvidos. Inclusive alguns meus, que estão em fase final, mas com falta de $$$, mas que só pude desenvolver por causa da ajuda da comunidade.

Comentário de Lauro Becker em 8 março 2016 às 19:13

Caro Cinésio. Obrigado pela resposta. Tenho uma pequena indústria e meu tempo é realmente escasso. Eu seria um cliente de serviço apenas, que é claro, seria pago. Na realidade tanto faz o estado em que fosse o FabLab pois transporte de material é fácil hoje, seja via correios, seja via transportadora. Não tive muito tempo de pesquisar mas em geral os FabLab que vi não dispõem de CNC router de maior dimensão, em especial no eixo Z. Caso tenha esta informação por favor me avise. Um abraço.

Comentário de Cinesio Moreira Mendes em 7 março 2016 às 13:15

Os FabLab´s mostrados ontem ( 06/03/2016 ) na reportagem do fantástico, foram do Insper ( Faculdade de Engenharia/Administração/Direito e Economia ) e do FabLab Garagem.

Existem três tipos de FabLab ( os acadêmicos, os públicos, e os profissionais ).

O do Insper e o da USP são os FabLab´s acadêmicos.

O FabLab garagem é um Fablab profissional, pois é preciso preocupar-se com a viabilidade financeira, alugando as maquinas/fornecendo curso/etc. A quarta-feira é o dia livre para todos que desejam conhecer as maquinas e o lugar ( sem precisar agendar ). Sua localização é na barra funda ( São Paulo ).

A prefeitura de São Paulo também está investindo nas FabLab´s. Até março deste ano ( previsão ), deverão estar operando 12 FabLab´s.Atualmente já existem LabLab´s em funcionamento ( Cidade Tiradentes, Galeria Olido, no Centro Cultural da Penha e na Casa da Memória de Itaquera). Nas ultimas edições da Campus Party ( 2015/2016 ), haviam Fablab´s disponíveis ao publico.

As FabLab´s precisam seguir os itens abaixo:

1. Abrir as portas à comunidade pelo menos uma vez por semana sem cobrar nada

2. Compartilhar ferramentas e processos com os outros laboratórios do tipo

3. Participar ativamente da rede por meio de videoconferências e encontros presenciais

Também é necessário ter algumas maquinas/equipamentos mínimos:

- Impressoras 3D

- Router CNC de pequeno/grande porte

- Corte a laser

- Cortadora de lâmina CNC

- etc.

Alguém interessando em abrir uma FabLab em sua cidade ?

Sds,

O FabLab do Insper ( assim como todas as FAbLab ) disponibiliza 1 dia da semana para visitas ou utlização.

Comentário de Lauro Becker em 7 março 2016 às 12:04

Ok. Compreendo, e acho que tens razão nos argumentos. Ao final provávelmente seria necessário até a criação de outra empresa e funcionários, o que de certa forma sairía do espírito do Ldg.

Vou obter informações com o Garoa. Obrigado. Um abraço.

Comentário de Marcelo Rodrigues em 7 março 2016 às 9:55

Lauro,

O LdG manteve por muito tempo um Lab como esse totalmente aberto e gratuito. Todas as despesas eram bancadas por nós mesmos, sem obrigação nenhum por parte dos frequentadores.

Funcionou bem por um tempo, mas por dificuldades de espaço físico, fomos obrigados a parar. 

Pessoalmente, acho o conceito dos FabLabs bacana, mas prefiro os hackerspaces, que é o conceito mais próximo da sua proposta.

Já existem diversos em funcionamento pelo Brasil, alguns foram fundados por grupos que se conheceram aqui no LdG.

Eu sou co-fundador e um grande admirador do Garoa Hacker Clube. Lá, você pode ter acesso a diversos equipamentos e a uma comunidade muito ativa e interessada.


Seja sócio você também!

© 2022   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço