Tradutor de Código Morse por meio de uma inteligência artificial, assim tornando a tradução possível mesmo com cada pessoa tendo sua própria maneira de digitação. No momento, o sistema é capaz de traduzir apenas as vogais, O projeto foi desenvolvido usando um ESP32 Franzininho e a rede neural foi treinada no Jupyter Notebook usando TensorFlow e outras bibliotecas.

Exibições: 277

Comentar

Você precisa ser um membro de Laboratorio de Garagem (arduino, eletrônica, robotica, hacking) para adicionar comentários!

Entrar em Laboratorio de Garagem (arduino, eletrônica, robotica, hacking)

Comentário de OLINTO G. R. FILHO, olgorofi, em 29 maio 2023 às 18:31

CURIOSIDADES: Em 1983 montei um detector de código Morse (existiam muitas rádios de ondas curtas internacionais que transmitiam em código Morse) baseado no circuito integrado 567 (detector de tom) que na entrada do mesmo ligava a saída do auto falante do rádio. A 1 ou 0 do 567, quando o sintonizava  para detectar a frequência do tom que chegava, entrava nos pinos da placa de um dos primeiros computadores pessoais no Brasil, o NEZ8000 (processador Z80 com "incríveis" 8 kbytes de ram). Foi instalado um programa em BASIC e linguagem de máquina Z80 que interpretava os PONTOS E TRAÇOS e visualizava letras e palavras na tela (monitor) do NEZ8000. Para época achei incrível. Ainda tenho o NEZ8000. Um abraço.

© 2023   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço