Olá a todos.

Recentemente vi um esquema muito simples para "dobrar" uma tensão utilizando diodo e capacitor. Acredito que todos aqui já conheçam:

Ele é 100% funcional, a princípio, para pequenas cargas (acionamento de mosfet).

Entretanto, o que acontece se variarmos o Duty do pwm, a frequência do pwm

e/ou a capacitância dos capacitores?

Assisti alguns vídeos, mas todos só falavam da função principal, não achei nenhum que fizesse das variações que ocorrem com a mudança dos componentes.

Edit: As demonstrações nos vídeos eram com capacitores de 10uf com duty de 60~70% e frequência na casa de 1khz. 

Exibições: 94

Responder esta

Respostas a este tópico

Boa tarde TM,

existem 2 livros bons e completos sobre teoria de fontes de alimentação, incluindo explicação do funcionamento de

dobrares de tensão.

Estes livros foram escritos pelo NEWTON C. BRAGA.

Um autor muito conceituado no ramo da eletrônica.

https://www.newtoncbraga.com.br/index.php/biblioteca-do-instituto/7...

https://www.newtoncbraga.com.br/index.php/biblioteca-do-instituto/7...

RV mineirin

Olá RV.

Por curiosidade, procurei o pdf do livro, então achei uma produção anterior dele. (link)

Pag. 93. É apresentado um circuito pronto, mas sem justificativas.

O circuito funciona, mas eu queria entender o que ocorre com a modificação dos componentes. Talvez eu compre o e-book. 

Olá.

  Entendo que nesse circuito não tem mto o que calcular.

  Só se vc utilizar as perdas como a resistencia interna do diodo, a queda de tensão nele, trabalhar com o capacitor no limite, de forma que ele não se mantenha carregado o tempo todo.

  A proposta é que no momento que o pino PWM vai a GND o C1 se carrega totalmente, não tem um RC, tem um diodo e um capacitor direto. Coisa que pode até danificar o pino de um microcontrolador se for ligado assim, não sei... depende... 

  Se ele fica absolutamente carregado fica com VCC-VD, onde VC=queda no diodo.

  Aih quando PWM vai pra VCC o C2 é carregado com VC1-VD.

  Ou, C2 é carregado com VCC-2VD.

  Se não houver carga no VCC_Dobrado isso vai acontecer ainda que os capacitores tenham valores infimos. Se usar um capacitor "normal" pra esse circuito vai dar esse valor, seja 1uF ou 100uF.

  Se vc incluir qualquer carga, um resistor, por ex, aih já pode complicar. 

  Sem um RC ou sem um resistor, fica uma conta de somar mesmo, uma tensão com a outra.

  Esse circuito, na verdade, não é DC, é pulsado. Entra como uma fonte chaveada a capacitor. O transistor da fonte chaveada está lá atras no circuito, gerando o PWM.

Olá Eduardo Henrique Marcondes

De fato. Você está certo.

Estou utilizando este dobrador na saida (3) do 555, a ideia é que ele faça o acionamento de mosfet numa ponte H.

Para isso, em sua saida, ele possui 4 resistores de 1M que vão para locais diferentes (Base/coletor de 4 bc337 - num arranjo para suportar várias tensões de controlador). Na simulação ele funciona perfeitamente.

Entretanto eu fiquei confuso sobre a frequência do chaveamento, sobre o duty e sobre os capacitores.

O que é obvio:

- Quanto maior o capacitor, em principio, mais tempo levará para dobrar a tensão.

- Quanto maior o capacitor, em principio, mais tempo levará para cair a tensão.

- Se o capacitor for muito pequeno (nano/pico), a tensão não será dobrada, podendo existir até uma redução.

O que obtive através de testes:

- é possível compensar capacitores muito pequenos com o aumento da frequência. Mas não tenho informações sobre o efeito negativo.

Só consegui chegar até ai. O simulador contribui bastante, mas na medida que a frequência aumenta, ele exige mais do processador até um ponto que não é possível simular em tempo real. E, por ainda não ter muito conhecimento das ferramentas, este se tornou meu teto.

Logo, se temos c1 e c2 com 10uf, e a frequencia variar de 10hz á 1Mhz, atualmente não consigo identificar diferenças.

Assim como elevar c1 e c2, ou alterar o duty, seja para 20% ou 80%.

Talvez eu devesse tentar outro simulador ou estudar mais sobre o proteus.

Bom dia,

Hoje existem módulos prontos para aumentar a tensão (step up). São ótimos! Tem no Mercado Livre. 

https://www.sunrom.com/p/dc-dc-boost-2a

https://www.addicore.com/MT3608-Boost-Converter-p/ad300.htm

https://www.olimex.com/Products/Breadboarding/BB-PWR-3608/resources...

Olá José Gustavo Abreu Murta

Nunca testei esse módulos, mas parecem ser muito bons.

Toda via, a ideia do dobrador que estou utilizando é somente para acionar mosfet.

Atualmente ele está funcional, mas por ser um circuito que comumente apresentado "pronto", acabou me despertando a curiosidade de entender com um POUCO mais de profundidade os efeitos que ocorrem com a variação dos componentes e com a frequência/duty do pwm.

RSS

© 2021   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço