Gostaria de discutir a melhor maneira que iniciar a construção de um amplificador caseiro a nível profissional,gostaria de saber se é indicado fazer um pré-amplificador e se poderia alimenta-lo com uma bateria menor do que a de um automóvel convencional...Alguma bateria onde eu possa recarregar diariamente e que seus uso ultrapasse as 8:30 de duração diárias....

Peço a ajuda de vocês para chegar a um melhor produto final....algo que também possa ser ligado a um mp3 convencional....

Por favor me ajudem!

Atenciosamente,abraççoss!

Exibições: 3706

Responder esta

Respostas a este tópico

Droga, eu escrevi a resposta mas esqueci de enviar e fechei a 4h...Bem.. Re-escrevendo...

O efeito Doppler não é eletrônico, podendo apenas influenciar seu trabalho se seu circuito estivesse próximo a velocidade da luz :)

Efeito Doppler é um aconteçamo que ocorre algum tipo de onda (no seu caso som) é emitida por um objeto em movimento. No caso de uma aproximação ocorre um acumulo de ondas. Se um emissor de ondas vai em direção ao receptor na metade da velocidade da onda a frequência da onda fica duas vezes maior. O oposto ocorre para o afastamento.

Esse efeito causa uma grande distorção de som pelo movimento em relação ao ouvinte.

Ele pode ser observado na sirene de ambulâncias, que deformam seu som quando estão vindo e quando estão indo.

Isto indiretamente explica o Sonic Boom, mas acho que o SB não será problema para você hehe...
Cara da hora manow...
Que animação impressionante e explicativa....



Leonardo Yoshiaki Kamigauti disse:
Isto indiretamente explica o Sonic Boom, mas acho que o SB não será problema para você hehe...

Guilherme, de uma olhada nos datasheets dos cis TDAs. Montei um amplificador de 20w com um TDA 2020, montei um para cada canal, ficou beleza, usei os componentes indicados no própria datasheet.

Recomendo baterias estacionárias, a autonomia dela é calculada conforme o pessoal já explicou.

Galera estou começando a pensar mais nos auto falantes e suas "potencias" neste meu projeto,talvez por achar que seja a parte mais facil além do mais o tempo não me deixa pesquisar muito sobre os componentes que meu projeto demanda,seria uma maneira de nao estacionar o projeto,dar um andamento mesmo que simples,assim eu ja poderia estar testandos alguns alto falantes,e claro, peço  a opnião de voçês....

Gostaria que opnassem sobre Auto falantes ....Tenho que respeitar uma lei municipal de poluição sonora,assim terei o volume controlado,tavez em horarios distintos ao redor do dia....Galera,ainda não sei o volume que terei de respeitar(não consigo falar com ninguem por email da prefeitura,(cidade pequena tem destas coisas....)

Mais pensem comigo....Não dever ser algo estrondoso nem algo muito flagelado.....

Algo na media mesmo.....Voçês poderiam dizer configuraçoes,ohms,voltagem,nome,etc.. destes auto falantes,e o que voçes sugerem ser o melhor para minha aplicação?

 

Depois de testar os auto falantes no MP3 que podera ser minha fonte de arquivos de audio eu poderei ter uma melhor base de como construir um amplificador e talvez um pre-amplificador.....(que é  a parte caveira para mim...)

 

No mais obrigado a todos os envolvidos...

abss

Com relação às baterias, pode fazer de um jeito que conforme a roda da bicicleta gire ja vai recarregando as baterias, isso aumentaria a vida útil delas. Um sistema semelhante ao dos Alternadores de carros.

 

A Lei Ambiental determina limites de intensidade de som..um trecho diz:

"Nenhuma fonte móvel de emissão sonora em áreas públicas poderá ultrapassar o nível máximo de 95 dB na curva "A" do medidor de nível sonoro - à distância de sete metros do local de emissão do som, ao ar livre.

Quanto às infrações, será classificada como leve a emissão de ruídos até 10 dB acima do limite permitido; como grave, de 10 a 20 dB acima do limite; e como gravíssima, aquelas emissões sonoras com mais de 20 dB acima do limite permitido. As multas aplicadas vão de R$ 23 a R$ 11,5 mil, e os valores arrecadados serão revertidos ao Fundo Nacional de Meio Ambiente e aos fundos estaduais e municipais de meio ambiente."

 

A intensidade do som é medida em Decibéis (dB), o que nos dá um pequeno problema ja que o decibel é uma unidade de medida adimensional, semelhante à percentagem. A definição do dB é obtida com o uso do logaritmo. A faixa de perigo para a audição humana situa-se em 85 decibéis.

 

Espero ter ajudado um pouco

Abraço

Marcelo Ajudou muito...Cara eu nao conseguia nada a respeito disso...Agora com estas informaçoes posso procurar os Auto falantes e os CIs conforme a demanda.... Estou enfrentando algumas dificuldades nas partes tecnicas...(acho que vou ter que procurar em uma escola tecnica aqui perto um cara afim de ajudar,heheheheh)
Achei Massa o lance do alternador,por que o foco do negocio é auto sustentabilidade,por isso bicicletas....

Vou fazer o possivel para adiantar a compra do material para os teste,maiores avanços postarei aqui,para quem quisser ajudar e participar da discursao....

Valeu

 


Marcelo Pedro Almeida de Andrade disse:

Com relação às baterias, pode fazer de um jeito que conforme a roda da bicicleta gire ja vai recarregando as baterias, isso aumentaria a vida útil delas. Um sistema semelhante ao dos Alternadores de carros.

 

A Lei Ambiental determina limites de intensidade de som..um trecho diz:

"Nenhuma fonte móvel de emissão sonora em áreas públicas poderá ultrapassar o nível máximo de 95 dB na curva "A" do medidor de nível sonoro - à distância de sete metros do local de emissão do som, ao ar livre.

Quanto às infrações, será classificada como leve a emissão de ruídos até 10 dB acima do limite permitido; como grave, de 10 a 20 dB acima do limite; e como gravíssima, aquelas emissões sonoras com mais de 20 dB acima do limite permitido. As multas aplicadas vão de R$ 23 a R$ 11,5 mil, e os valores arrecadados serão revertidos ao Fundo Nacional de Meio Ambiente e aos fundos estaduais e municipais de meio ambiente."

 

A intensidade do som é medida em Decibéis (dB), o que nos dá um pequeno problema ja que o decibel é uma unidade de medida adimensional, semelhante à percentagem. A definição do dB é obtida com o uso do logaritmo. A faixa de perigo para a audição humana situa-se em 85 decibéis.

 

Espero ter ajudado um pouco

Abraço

RSS

© 2021   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço