Boa tarde

Eu tenho alguns ventiladores arno ultimate e eu pretendia automatiza-los quando chegasse a temperatura x eu ligasse todos os ventiladores da casa entao eu comprei um daqueles sensores de temperatura e essa parte funcionou como eu esperava . Mas estou tendo alguns problemas para fazer um transmissor . Eu sei que o controle não é infravermelho porque não emite luz e não precisa de visada. Eu acho que ele é semelhante a um controle de garagem . Eu tentei um receptor de 433Mhz e outro de 315 e nenhum deles parece ler emissões  do controle. eu anexei uma foto do controle e minha pergunta é olhando ele tem como saber qual frequencia ele opera ou como eu posso descobrir isso ?

Obrigado

Exibições: 3705

Anexos

Responder esta

Respostas a este tópico

Olá Samuel,

Eu consegui avançar com base no projeto que vc compartilhou. O que eu fiz foi o seguinte, eu analisei o seu projeto e vi que alguns comandos eram executados com 378 microsegundos e outros com múltiplo 500 microsegundos, então eu mudei tudo para que ficasse com múltiplo de 500 microsegundos e continuou funcionando.\

Depois eu montei o código binário para executar cada uma das funções, ex. se vc colocou um delay de 1500 na posição LOW e um delay de 500 em HIGH ficaria assim: 0001, pois cada bit agora representa um delay de 500.

Ai com o código binário para cada comando montado eu tentei encontrar um padrão, verifiquei que o comando de Ventilador era diferente dos outros, tinha um dígito a mais e percebi que os primeiros 2000 microsegundos do seu código na verdade deveria ser colocado no final da transmissão, como vc repete o comando enviado 5x, acaba ficando certo a partir da 2 repetição, ai eu corrigi isso. 

Depois eu converti para Hexadecimal para ficar mais legível, ai analisando a parte fixa do transmissão, separei o que seria o cabeçalho e o comando. Ai analisando o padrão usado em cada comando eu consegui por tentativa e erro montar o código que estava faltando (timer) e tb acho que encontrei no cabeçalho onde ele identifica qual ventilador receberá o comando, que é configurado naquele dip switch do controle (eu testei 2 posições, precisaria testar as outras).

A parte boa é que não precisei comprar um osciloscópio pra usar só uma vez =)

https://github.com/ralexsander/arno-fan-controller

Obrigado.

Ótimo! Mto legal, cara! Como eu não sabia onde era o começo e final da msg, eu só a repetia 5x hahaha. Me avise caso vc precise confirmar as mensagens com outras posições dos switches.
Quanto a comprar um osciloscópio, eu recomendo bastante, ajuda mto na hora de descobrir problemas e afins. Existem uns que usam a porta de input de áudio do computador, são bem em conta, claro que a frequência que trabalham é super lenta tbm.

Abraço

Samuel e Ricardo, muito obrigado! Suas contribuições me ajudaram muito!

Estou num projeto para deixar o ventilador inteligente, usando Alexa Skill e ESP8266. Estou desenvolvendo a interface da nuvem.

Quanto à parte eletrônica, entretanto, pude notar que, algumas vezes que o circuito comandava para ligar/desligar a luz, mas o ventilador não respondia. OBS.: uso tensão de 5V. Alimentei com 12V e nada de melhorar o sinal.

Minha formação é Eng. Elétrica e trabalho com TI, pensei que o fato do ventilador não receber o comando para a luz estava relacionado com ruídos do meio.

Porém, pensei que talvez faltasse o fator humano relacionado ao controle.

Pesquisei que, em média, um toque de botão pode demorar cerca de 70 a 150ms. Como cada byte do comando leva 500 microssegundos e, cada comando, possui 32 bytes, logo são 16 ms por comando. Simples, enviei 10x o mesmo comando para obter a duração de 160ms de sinal e agora o ventilador responde em 100% das vezes. O circuito do ventilador deve ignorar a repetição de uma rajada de comandos iguais, assim como ocorre com controle remoto IR em uma TV (vejo isso na prática, com o piscar do receptor na minha).


O que acham da linha de raciocínio?
Espero que isto ajude os demais.

Legal, Lucas! Parece que o raciocínio está correto sim. Se não me engano, o código que eu postei no github também enviava algumas vezes o msm comando, mas ele estava todo bagunçado e a onda era gerada apenas com delays, o Ricardo processou a onda e passou a gerá-la a partir de um id.

RSS

© 2022   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço