Druida IDE Lite - Alternativa moderna gratuita para programação em Arduino

Introdução ao Druida IDE Lite

O Druida IDE Lite, se trata de uma plataforma de desenvolvimento gratuita voltada para programação de placas baseadas em Arduino. Através dele, você será capaz de editar, compilar e depurar o seu código, bem como enviá-lo para sua placa através de uma interface simples e intuitiva. Além de possuir o editor e o depurador padrão presentes na IDE convencional do Arduino, também estão inclusas ferramentas para auto-preenchimento de código, gerenciador de erros, gerenciador de placas, sistema serial data-logger, e uma infinidade de outros recursos para facilitar o desenvolvimento do seu projeto.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image.png

Índice

  1. Recursos adicionais
  2. Instalação do Software
  3. Criando e enviando um projeto
  4. Utilizando o IntelliSense

1 - Recursos adicionais

1 – IntelliSense: Se trata de um mecanismo capaz de apresentar informações acerca da estrutura do código fonte diretamente no editor.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-2.png

2 – Gerenciador de Exemplos: Uma janela capaz de apresentar em formato de árvore, todos os exemplos detectados nas pastas definidas, bem como o seu código fonte, descrição e esquemático, caso tais informações existam na pasta do exemplo selecionado.


3 – Lista de erros: Exibe os erros detectados pelo compilador em forma de lista, com sua descrição em português, bem como o nome do arquivo fonte, e a linha em que o erro foi detectado. Leva o usuário diretamente ao erro no código fonte através de um duplo-clique.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-5.png

4 – Serial Data-Logger: Consegue registrar informações importantes como data, hora, e origem de uma mensagem recebida pela porta serial, permitindo que o usuário possa salvar facilmente essas informações no projeto.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-6.png

5 – Gerenciador de Placas: Exibe as placas instaladas em forma de árvore, bem como sua imagem e descrição resumida. Permite selecionar placas favoritas, para que elas possam ser exibidas na tela-inicial do software e possam ser selecionadas facilmente.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-7.png

2 – Instalação do Software

Para começar a utilizar o programa, realize o seu download através deste link. Após o download, descompacte o conteúdo do arquivo para a pasta “Arquivos de Programas” do seu sistema operacional, normalmente presente neste diretório: “C:\Program Files (x86)”. Feito isso, você pode iniciar o programa através do executável “Druida IDE Lite”. Se desejar, você pode criar um atalho na área de trabalho clicando com o botão direito do mouse e selecionando Enviar para > Área de Trabalho (Criar Atalho). Dê um clique duplo no executável “Druida IDE Lite”.

OBS.: É importante ressaltar que é necessário possuir a IDE padrão do Arduino já instalada na máquina, pois a mesma possui arquivos e drivers necessários para a correta comunicação entre o Druida e a sua placa.

3 – Criando e enviando um projeto

1 – Para criar um novo projeto, clique no botão novo na barra de ferramentas superior.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-8.png

2 – Informe o título do projeto, e nome do arquivo-fonte principal do projeto, e clique em “Criar Projeto”

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-9.png

Feito isso, será exibido a tela principal de edição do seu código fonte, conforme demonstrado abaixo.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-10.png

Observe que o arquivo principal do código fonte, é automaticamente criado com os dois procedimentos principais do Arduino já inclusos (setup e loop). Você pode expandir ou ocultar trechos de código delimitados por colchetes (“{}”) utilizando os botões ‘-‘ e ‘+’ respectivamente. Os objetos presentes no seu código, serão listados na lista de objetos, e irão de ajudar a navegar mais facilmente pelo seu código.

3 – Você pode selecionar o modelo da placa utilizada na barra de ferramentas, na aba “Projeto”. Por padrão, o Druida lista os três modelos de placa mais utilizadas do mercado que são a NANO, UNO e MEGA.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-12.png

Caso seja necessário selecionar outra placa, é possível encontrar outros modelos clicando no botão “Hardware” na mesma seção da barra de ferramentas superior.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-13.png

No gerenciador de placas, você pode expandir ou ocultar um grupo de placas clicando nos botões ‘+’ e ‘-‘. Para selecionar uma placa, basta clicar sobre o seu nome, e para adicioná-la ou remove-la aos favoritos basta clicar na estrela. As placas adicionadas aos favoritos aparecem na barra de ferramentas superior, permitindo uma seleção mais rápida da mesma.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-15.png

Note que a seleção da sua placa, ficará salva no seu projeto. Dessa forma, você só precisa selecioná-la uma vez, mesmo que trabalhe com vários modelos diferentes em outros projetos.

4 – Você pode selecionar a porta de comunicação na barra de ferramentas superior, na seção “Projeto”.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-16.png

Caso não exista nenhum outro dispositivo conectado a uma porta serial do seu computador, o programa irá selecionar a porta da sua placa automaticamente, no momento em que você ligar o cabo USB. Para verificar e selecionar a porta correta, observe que o programa gera uma notificação de dispositivo detectado informando a porta, no momento em que é plugado o cabo USB.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-17.png

5 – Para enviar o código, utilize o botão “Upload”, também presente na barra de ferramentas superior na guia “Projeto”.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-18.png

Feito isso, o código será enviado para a placa. No caso, o led da “porta 13” e os leds das portas “RX” e “TX” deverão manter-se apagados após o envio, pois os procedimentos do código-fonte do projeto estão completamente vazios.

4 – Utilizando o IntelliSense

1 – Vamos criar nosso primeiro código, cujo o objetivo será piscar o led da placa no intervalo de 1 segundo. Dentro do void setup, iremos configurar o pino onde está conectado o led da placa como saída. Digite a letra ‘p’ dentro do ‘void setup’ e navegue até o comando ‘pinMode’ na lista gerada pelo IntelliSense.

Essa imagem tem um atributo alt vazio; o nome do arquivo é image-19.png

Perceba, que temos uma descrição detalhada do objetivo desse comando, bem como dos parâmetros necessários para o seu uso. Pressione a tecla “TAB” ou a tecla “Enter” para selecionar o comando “pinMode”. Para o parâmetro ‘pino’, utilizaremos a constante “LED_BUILTIN”, que obtém em qual pino está ligado o led da placa (normalmente o pino 13). Para o parâmetro ‘modo’, utilizaremos a constante “OUTPUT”, para configurar o pino como saída. Note que ambas as constantes, e suas descrições estão presentes no Intellisense. O nosso ‘void setup()’ deverá ficar da seguinte forma:

void setup(){  // coloque aqui o seu código de configuração para ser executado uma vez:
  pinMode(LED_BUILTIN, OUTPUT);
}

2 – Agora vamos criar o código responsável por piscar o led. Dentro do ‘void loop()’ acrescente as seguintes linhas de código:

digitalWrite(LED_BUILTIN, HIGH);
delay(1000);
digitalWrite(LED_BUILTIN, LOW);
delay(1000);

Feito isso, o código está pronto. Segue abaixo o arquivo completo para referência:

void setup(){
  // coloque aqui o seu código de configuração para ser executado uma vez:
pinMode(LED_BUILTIN, OUTPUT);
}


void
loop()
{
// coloque seu código principal aqui, para executar repetidamente:
digitalWrite(LED_BUILTIN, HIGH);
delay(1000);
digitalWrite(LED_BUILTIN, LOW);
delay(1000);
}

Agora basta enviar o código, e verificar o seu funcionamento através do led da placa, que deverá piscar dentro do intervalo de 1 segundo. Com essas dicas básicas, você já está pronto para começar a utilizar o Druida IDE Lite.

Para baixar o software completo: Download Druida IDE Lite

Façam o download e deixem suas opiniões e sugestões.

 

Exibições: 306

Comentar

Você precisa ser um membro de Laboratorio de Garagem (arduino, eletrônica, robotica, hacking) para adicionar comentários!

Entrar em Laboratorio de Garagem (arduino, eletrônica, robotica, hacking)

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2019   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço