Estou fazendo algumas experiencias, e preciso de ajuda.

Tenho um motor-gerador e quero ligar as bobinas do mesmo em MOSFETs, não posso simplesmente usar diodos porque só posso ligar no tempo certo, e para isso vou usar arduino.

A questão é: Preciso usar esses diodos, ou posso ligar diretamente as bobinas nos MOSFETs ?

Preciso colocar diodos nas saídas dos MOSFETs também ? ou não precisa, visto que pretendo enviar essa tensão para um regulador e depois para uma bateria.

As bobinas geram de 1v a 50v CA.

Não pretendo usar transistores comuns, visto que pode ter alta corrente, aquecimento, etc.

Qualquer ajuda é bem-vinda.

Exibições: 78

Responder esta

Respostas a este tópico

Eu colocaria...
Eles evitam explosão se vc ligar por ex Q2 e Q4 ao mesmo tempo.

Eu não colocaria os transistores, isso sim...

Vc quer regular a tensão de saída do gerador ?

Deixa eu explicar melhor, a ideia é meio louca, mas quero tentar ...

Sabe-se que quando uma bobina esta energizada, ao desliga-la, a corrente flui no sentido inverso a que estava, portando temos um pulso de corrente maior que a tensão aplicada, porém em sentido inverso.

Pretendo aproveitar esse pulso de um motor brushless, visto que as bobinas do motor se alternam, e SEMPRE somente 2 bobinas trabalham...

mas, pra complicar um pouco mais, pretendo fazer meu proprio ESC (controle eletronico de velocidade) do motor BLDC, e ao invés que ter apenas 6 passos por volta do motor, pretendo faze-lo com 12 passos, desligando o motor totalmente por alguns milesegudos, e com isso retirar enegia de pulso das bobinas.

Aproveitando que o motor ficará desligado por alguns milesegundos, (vai estar servindo como gerador) pretendo retirar a energia da bobina que não estava energizada, e também das outras 2 após o pulso.

Veja se consegue entender o conceito, e qualquer duvida, só perguntar, obrigado.

Ha... quanto a saber qual bobina esta mais proxima  do imã,  isso é feito com a leitura do Back EMF ( todo ESC tem isso), e o que vou construir também terá, então isso não é problema.

Acho muito interessante a iniciativa de experimentar, fazer ciência.

Acho que vc deveria montar com e sem e nos mostrar os resultados.

Filosoficamente diria que não é um bom caminho...

O que acontece é que vc tem em mãos um motor. Ele é responsável por transformar energia elétrica em energia cinética (movimento). Tirar energia dele em geral significa frear.

Digo: Imagine que em paralelo com cada bobina tivéssemos um resistor, algo que receba essa energia. Claro, no ciclo "ON" ele também receberia, mas da fonte, e no ciclo "OFF" esse resistor receberia da bobina do motor. Isso configura um freio... Ok, não é um resistor que vc quer por, mas de qq jeito isso que vc quer por pega a energia da mesma forma que o resistor.

Enfim, em geral, como disse, filosoficamente, trabalhar em ciclo regenerativo (tirando energia) sempre significará um freio.

Vale testar. Pode ser que não...

Sim amigo, tudo indica que não funcionaria, eu te entendo, porém a ideia  é tirar o máximo possível em mA  ou Amperes se for um motor grande, sem afetar sua rotação.

Sei que o segredo esta nos pulsos muito mais que na própria geração em si, veja este motor da Infinity Save: https://infinitysav.com/magneticgenerator/

Ele trabalha com pulsos pra gerar energia e usa um BLDC pra empurar (separadamente), este motor  após atingir 1000 RPMs deixa de consumir energia e passa a gerar energia pra ele próprio,  e com isso (através  de polia)  ele gira um motor GERADOR.

Sei que parece impossível, mas vou tentar, sei que não vou conseguir a tal "Energia livre" mas quero ver quanto de energia consigo retirar do motor sem afetar sua rotação.

Vou tentar com e sem os diodos.

De inicio vou tentar com esses motorezinhos de aviões de brinquedo mesmo, só pra ver quantos mA consigo (um detalhe: girando esse motor com uma furadeira acoplada consigo +- 12v/2A, sem os pulsos).

Depois, pra completar a loucura, vou colocar 10 estatores desses de moto, em paralelo, e com 14 imãs por estator, 140 imãs no total, e ver no que dá.

As bobinas hora vão funcionar como MOTOR Brushless, hora como GERADOR, alternância de poucos mile segundos, isso eu sei fazer com Arduino ou ESP.

Questão de curiosidade mesmo, vou ver no que dá e posto aqui.

Agradeço sua boa vontade.

Esqueci de mencionar, pretendo usar ultra capacitores ao invés de bateria.

Tenho uns 20 desses aqui e fiz alguns testes.

é testar pra ver no que dá.

RSS

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2021   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço