Olá garagistas!!!!

Gostaria de mais uma ajuda dos grandes profissionais desse consagrado fórum. Recentemente tive uns problemas com dimmers e comecei a então estudar as possíveis causas, até que encontrei essas denominações em que coloquei no titulo desse tópico. Pesquisei um pouco mais a fundo porém ainda estou com algumas dúvidas perante as diferenças entre um dimmer convencional Leading Edge e um dimmer mais sofisticado Trailing edge. Eu também gostaria de tentar projetar um trailing edge.

Um resumo do que eu consegui entender pra ver se estou no caminho certo: Leading edge dimmer, são esses dimmers convencionais mais populares, em que ao regular o potenciômetro cortamos a forma de onda da carga alterando assim a tensão média. Já os trailing edge dimmers são mais complexos pq eles devem conter um controle de passagem pelo zero.

É isso?

Me ajudem por favor, agradeço desde já!!!!!!

Exibições: 26

Responder esta

Respostas a este tópico

Boa tarde LFM,

resumidamente. 

O Leading edge dimmer é o modo mais simples e portanto o mais usado.

Usa-se um recurso qualquer de deslocamento de fase para disparar o Triac em cada semiciclo.

Daí a voltagem ao passar pelo zero e inverter a polaridade, desliga o Triac.

Este processo é simples de projetar , calcular  e construir.

Além desta vantagem, ele é bem robusto e resistente à sobrecargas.

A desvantagem, é que ele é pouco preciso.

O Trailing edge dimmer  é bem mais complexo.

O circuito dispara quando a voltagem passa pelo zero e é cortada em qualquer momento pelo ajuste 

feito pelo usuário.

Normalmente é construído usando-se MOSFETs.

Existem CIs especializados no controle destes MOSFETs.

Os circuitos são complexos e mais difíceis de elaborar.

Tem a vantagem de serem mais precisos.

Mas normalmente não suportam sobrecargas.

RV

RSS

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2020   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço