Projetos para estimular crianças no mundo da eletrônica

Boa tarde pessoal, queria dicas de pequenos projetos de eletrônica pra estimular o meu sobrinho de 6 anos a brincar ao invés de passar o dia inteiro no youtube vendo minecraft. Ele vem todo fds pra casa e seria uma boa toda semana ter um projeto novo pra ensinar pra ele. Desde o básico (como fazer leds piscar, etc). Sem inclusão de arduinos, se possível, apenas se o projeto for bem estimulante mesmo aí eu faço sozinho a parte do arduino.

Exibições: 392

Responder esta

Respostas a este tópico

Bom dia Hélio, 

Brincadeiras de eletrônica são mais indicadas para crianças maiores. 

Acho que para 6 anos, ficará difícil para ele entender esse tipo de brincadeira. 

Talvez seja mais indicado que você monte brinquedos para ele. 

Helio,

     O Jose gustavo esta certo,  crianças tão novas tem uma tendência de querer coisas já prontas e não aprender montagem de coisas técnicas.

     Recentemente eu quis fazer o mesmo pra minhas filhas de 8 e 13 anos, e não funcionou muito, ou seja, santo de casa não faz milagre kkk. Em um primeiro dia elas até se empolgam, mas quando veem que tem que dar continuidade elas desistem.

     A solução:  Descobri que aulas de robótica estão nas grades curriculares, porem, os professores que estão ministrando são de outras áreas, dai eles dão apenas a parte teórica,  pois não sabem nada de pratica.

    Bem, montei um curso de arduino com foco em robotica e ministrei a 4 professores do colégio, sendo 3 garotas e um cara,  fiz o curso de traz pra frente, comecei com brincadeira de piscar led, e depois fui dando teoria.

   Cara, enquanto tava na parte de brincadeira e montagens, tudo ok,  quando entrei em programação, teoria, etc. as 3 garotas pularam fora.

    O resultado foi que o professor que terminou o curso comigo, que antes só dava aulas de fisica em um colégio, agora foi contratado e dá aulas de robotica em 4 colégios.

   Não cobrei nada.

Por aqui tb... A minha tem 6 anos.

Dei umas aulinhas de scratch, ela fez umas coisas que viu no youtube mas não fez mto sentido pra ela.

Estou esperando crescer mais. Por hora é aprender a andar de bicicleta sem rodinha, patins, etc. Eletronica está um pouco distante. O que essa juventude tem mto é interesse por celuar. Acredito que uma aproximação para essa area seja mais facil. Criar jogos por ex, por mais bobos que sejam.

A eletronica mesmo, negocio de resistor, capacitor.. Ta meio fora de moda para eles. Tudo é arduino.

No passado eu tentei incentivar o interesse por eletrônica, com os meus filhos e nada. Hoje já são adultos. 

Depois tentei com o filho de uma namorada (eu estava divorciado) e nada.

Depois tentei com um sobrinho meu e nada também. 

Será que a meninada de hoje não tem nenhum interesse por eletrônica ou eu não tive sorte?

A minha próxima tentativa será com os netinhos...

Um caminho pode ser tem um objetivo e ele ajudar.

Existe mtas vezes uma ideia da "criança fazer". Mas se ela só ajudar se chega mais longe.

Algo como:

Vamos contruir um carrinho de controle remoto ??? A criança ve fazer e depois pinta, brinca, etc. Entende superficialmente mas é um começo.

Aqui em casa eu coloquei irrigação no vaso usando um ESP32 com LCD (quando fiz não tinha chegado ainda os com OLED) e comandos por Telegram. Ficou mto legal. Ela manda mensagens do ceular dela pra perguntar como tá a umidade, manda irrigar, etc. Tem interesse.

Basicamente ela não fez, só cuida, espetou o sensor, coisas assim mas ficou a mensagem de que é possivel, é pra isso que serve, etc.

Tem uns jovens que realmente não despertaram pra nada ainda, parece que estão aqui de passeio. Aih complica. Apesar do vasto conteúdo disponível nas escolas + internet parece que o conhecimento está diminuindo. 

Eduardo, eu tenho a mesma impressão. Parece que o conhecimento está diminuindo. O meu sobrinho é filho único e não tem outros parentes da idade dele pra brincar. A diversão dele total é  youtube ou jogos. Me incomodo com isso e tento fazer o que eu posso quando ele passa o dia em casa. 

 

   Tô na luta com meu primo de 15 anos que começou eletrotécnica no IF mas está odiando. Imagine uma criança de 6 anos...    Eu dou "aulas particulares" pra ele gratuitamente de noite quando chego do trabalho, e todos os exercícios dele eu monto o circuito e mostro na prática a coisa acontecendo pra ver se instiga mais o interesse... mas tá difícil kkk

   Acho mais conveniente, por ora, você construir coisas (brinquedos, como já sugerido) pra ele e instigar a curiosidade de forma com que ele passe a se questionar acerca do funcionamento daquilo, em como você fez... e ir cultivando e alimentando essa busca pelo saber.


  

Nem com uns projetos legais com arduino ele não está se interessando?

Vou seguir esse caminho mesmo de fazer brinquedos mais visuais ou que envolvam motores.

   Ainda não apresentei essa parte pra ele. Por enquanto somente circuitos utilizando resistores, LEDs, botões...  Pois ele está no primeiro bimestre ainda de Eletro, então não conhece muito do assunto e não entende nada de programação.

   Mas vamos chegar na parte de microcontroladores ainda!

   Eu tenho dezenas de projetos que ele me vê fazendo, testando, alguns uso em casa... isso o atrai, mas quando pega pra estudar mesmo o assunto, ele perde um pouco o foco. Preciso fazer com que ele goste de fato e estudar a área deixe de ser um martírio pra ele, pra conseguir aprofundar mais.

Bom pessoal, como não obtive resposta no dia, acabei procurando alguma dica na internet e achei uma legal. Fiz uma espécie de leds giratórios. Ele achou bem legal mas basicamente só acompanhou eu montando devido eu mexer com cola quente, solda e estilete. Abaixo está o vídeo e quem quiser o esquemático, eu faço. Prometi que na semana que vem vou fazer um carrinho de controle com fio. Vou tentar ver alguma forma de fazer ele por a mão na massa dessa vez mesmo que seja só pra encaixar as peças.

vídeo: https://drive.google.com/file/d/1bJhYIJAJZKa7iNGIrIiQcNw2vxQTqRYY/view

    Como a parte elétrica/eletrônica e lógica ele não vai te muito contato (não só por falta de conhecimento, mas pelo risco de se cortar, se queimar...), peça ajuda a ele na parte de designer da carroceria do carrinho, peça sugestões sobre onde por algum LED, o que ele acha de por sinais de freio, de seta...  Pede ele pra  separar alguns dos componentes que você vai precisar, pra ele ir aprendendo o nome de cada um(resistor, led, diodo, PCB...). E por aí vai!

    Deixe ficar claro que aquilo ali foram você E ELE quem fizeram. Faça com que, quando estiver funcionando, ele se sinta orgulhoso e saia contanto pra todo mundo que foi ELE quem ajudou, sabe? Dê o mérito pra ele. Assim ele vai se sentir mais entusiasmado em fazer mais e mais projetos.

Quando eu era criança, eu mesmo fazia os meus caminhõezinhos. 

Revestia a carroceria com a folha metálica retirada de latas de produtos alimentícios. 

Até as rodas eram de madeira. 

Os bonequinhos eram feitos com pregador de roupa de madeira. Desmontava o pregador e montava as duas partes invertidas. 

Fazia isso pois eu gostava. 

RSS

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2019   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço