https://pt.wikipedia.org/wiki/Internet_das_coisas

"A Internet das Coisas (do inglês, Internet of Things, IoT) , é uma rede de objetos físicos, veículos, prédios e outros que possuem tecnologia embarcada, sensores e conexão com rede capaz de coletar e transmitir dados.

A Internet das Coisas emergiu dos avanços de várias áreas como sistemas  embarcados, microeletrônica, comunicação e sensoriamento. De fato, a IoT tem recebido bastante atenção tanto da academia quanto da indústria, devido ao seu potencial de uso nas mais diversas áreas das atividades humanas.

A Internet das Coisas, em poucas palavras, nada mais é que uma extensão da Internet atual, que proporciona aos objetos do dia-a-dia (quaisquer que sejam), mas com capacidade computacional e de comunicação, se conectarem à Internet. A conexão com a rede mundial de computadores viabilizará, primeiro, controlar remotamente os objetos e, segundo, permitir que os próprios objetos sejam acessados como provedores de serviços. Estas novas habilidades, dos objetos comuns, geram um grande número de oportunidades tanto no âmbito acadêmico quanto no industrial. Todavia, estas possibilidades apresentam riscos e acarretam amplos desafios técnicos e sociais. "

Internet das Coisas: da Teoria à Prática

http://homepages.dcc.ufmg.br/~mmvieira/cc/papers/internet-das-coisa...

Perguntas para os especialistas e desenvolvedores de IOT :

1)  Quais plataformas IOT já usou ?

2) Qual a plataforma IOT preferida ? Porque ?

Muito obrigado.

Gustavo Murta 

Exibições: 628

Responder esta

Respostas a este tópico

Achei esse link com inúmeras Plataformas de IOT :

https://www.postscapes.com/internet-of-things-platforms/

Sobre IoT, para polemizar e abrir a discussão, diria:

É um pouco mais do mesmo, como já foi feito em 1975 com o Apple IIe e o PC XT, usando a interface X10.

https://pt.wikipedia.org/wiki/X10

Não decolou...

Depois vieram inumeras outras plataformas, empresas, placas, sistemas, etc, mas nada foi efetivamente adotado.

Temos a automação presente em casas de "bacanas" que gostam de se exibir e de estudantes interessados que querem aproveitar seus conhecimentos para realizar pequenos sonhos de automação.

A IoT propriamente dita, que seria pro uma geladeira para falar pra vc o que tem dentro dela, compor uma lista de compras, enviar ao mercado, etc, não é uma tendência. A uns anos atras comprávamos muito enlatados, mas hj não. O mundo todo migra para comprar menos, só o de consumo imediato, fracionado, quanto menos industrializado melhor. Voltamos (o mundo todo) a ir mais nas feiras, hortifruti. Na europa os mercados são pequenos. Só nos EUA e Brasil que tem esses Walmart da vida.

Para a automação residencia, ok... Mas para muito poucos. Não é um mercado gigantesco.

Acho que os especiais são muito interessantes, como os alimentadores de cães, gatos e peixes, dando na hora certa, calculando o consumo para avisar em que dia irá acabar de forma que não fala "acabou" e sim: "precisa comprar senão vai acabar dia...". Isso é inteligencia, mas é para poucos, caro, já temos, não é revolucionário. Só precisa popularizar. Ficam parados, podem usar WiFi. Um ESP mata a pau, não precisa de uma revolução pra criar isso.

Não acho que haverá uma grande revolução. A humanidade acho que está vivendo um renascimento. Vejo muitos jovens que não se interessam por isso. Estão nem aih com nada. Querem só jogar e assuntos inúteis. Não decidiriam a compra de uma coisa que custasse mais caro. Aquele perfil de nerd interessado em fazer as coisas está meio em baixa, infelizmente.

Por outro lado, isso votado a automação, que não pode ser chamado de IoT pq não envolve "coisas", inventaram o tal nome Industria 4.0, mas que tb não representa, por ser na verdade um sistema. É um super negocio para a SAP.

https://pt.wikipedia.org/wiki/SAP_SE

Mas é um SAPÃO que alguem acha que está criando mas como pode ser visto na wiki já existe a muito tempo. Ok, agora podemos incrementar, colocar coisas como o pedido ser colocado na máquina pelo cliente, como uma maquina de coca-cola de moedas, só que em vez dela dar a coca ela vai fabricar. Muito legal, mas não é muito mais que o mesmo.

O intuito da industria 4.0 é economizar salários. Visa eliminar milhares de empregos burocraticos em escritrórios de representação, compradores e vendedores da indústria seriam trocados por computadores. Exatamente a proposta de um SAP. A diferença é que agora essa idéia veio das universidades, de um pessoal que trabalha com automação. 

Enfim, acho que é mais do mesmo. Não vejo revolução alguma.

Há uma revolução maior na impressora 3D que nisso tudo... Outra maior ainda no ESP8266 pq ele derrubou os preços e o tamanho das coisas. Viabilizou projetos idealizados a 10 anos. Não há revolução se o projeto vc pensou a muito tempo..

Vejo nessas empresas de IoT e I4.0 oportunistas buscando lucrar com a ignorancia dos investidores para montar sistemas de lucro em bolsa de valores. O produto mesmo é mero detalhe, uma vez que o objetivo não é lucrar do cliente do produto e sim do desenvolvedor que vai comprar a "plataforma" e especialmente colocar a empresa na bolsa de valores e chamar investidores. Uma forma moderna e culta de fazer algo com o mesmo objetivo de uma piramide.

O proprio Arduino é um pouco disso. Nos parece um bando de gente altruísta (oposto de egoísta) que fez um compilador cheio de bibliotecas legais, super compatível com um monte de coisa e fácil, tudo grátis!!! Grátis pra nós, meros "base da piramide", la no topo eles estão lucrando muito com as ações. Já realizaram boa parte desse lucro vendendo para microchip, empresa que vendia a ideia de que um microcontrolador pior e mais caro era melhor pq era mais facil de aprender... Quanto a mais a microchip pagou pela Atmel pq ela está atrelada ao Arduino ? Se vc ver qq ranking de microcontroladores mais vendidos, nunca a Atmel aparece como grande vendedor. 

https://www.statista.com/statistics/709720/worldwide-microcontrolle...

Não seria o Arduino uma jogada para poder valorizar a empresa ?

O SENAI fez uma confecção 4.0 para demonstração. Se vc vai fazer um site de venda de roupas que vc consegue escolher a estampa, tamanho, etc, que será feita para vc é ótimo, mas é webdesign arrojado e confecção, não vejo revolução alguma... Essas impressoras para pano vejo trabalhando aqui perto de casa a muitos anos (uns 10), não é novidade.

Parabéns para o SENAI, iniciativa pioneira, fabulosa, inovadora. Achei ótimo. Só o SENAI nos trás coisas como isso.

Masss... Não captei onde está exatamente a revolução... Se utiliza elementos "do cotidiano" dessa década. Quem não é do setor textil e plugado com "novidades" como o knect (de 2010)

https://cursos.cetiqt.senai.br/pos-graduacao/mbi-em-confecc-o-4-0-e...

https://pt.wikipedia.org/wiki/Kinect

Acho que a possibilidade de criar cursos empolgantes, trazendo essas novas tecnologias é legal da coisa. Adoraria, e acredito que muitos aqui também, poder ajudar o SENAI a criar coisas empolgantes para mostar para o jovem. Mostrar que com as ferramentas atuais hoje é possivel fazer. Não é preciso criar mais nada de infraestrutura, plataforma, etc. Basta ter coragem e usar o básico ou coisas de pré revolução como o SCADA e o MQTT.

Não achei a loja que tem uma impressora para estampas em pano na porta mas é algo assim:

Link Street View

São empresas pobres que não conseguem vender muito pq só conseguem trabalhar com camisetas para eventos ou uniformes. Para estampas normais a serigrafia é mais barata. Mas eles tem ploters que imprimem uma estampa em um rolo de pano. Vc chega com a estampa no pendrive e sai com o pano. Normal, normal a muitos anos. Só é super caro.

Adoro os conceitos de IoT e I4.0, fiz cursos no MIT, fui na inauguração da escola SENAI de São Caetano, a primeira com I4.0, assisti a palestra, tenho acompanhado, mas estou discrente, realmente.

Acredito que seria possivel fazer muito mais na indústria. Seria possivel aproveitar essa "novidade" para realizar muitos outros sonhos. O que precisamos não é de uma revolução ou de algo novo. Tudo já está aih. Todos os elementos necessários para construir estão aí e são baratos.

O que precisamos é arregaçar as mangas e fazer !!! Fazer coisas inovadoras ou não. Não é importante. O proprio alimentador de cachoro ou peixes que citei. Temos que fazer ele chegar nas lojas. Muitos projetos de alunos já foram feitos, muitos protótipos, mas ele não chega na prateleira.

A verdadeira revolução seria isso: Fazer o que temos dentro das nossas cabeças chegar nas prateleiras.

E pq não fazemos isso ? Pq sempre tem um chinês pra fazer outra coisa e por do lado e fazer o nosso parecer caro. Caro pq os impostos, pq a materia prima, pq etc, etc, etc.

Assim como as startups, que achava uma coisa muito interessante, até estudar um pouco mais e descobrir que era apenas um nome de linha de empréstimo que o Itau e Banespa estavam criando. Emprestimo em que se vc conseguir a meta vai ter um sócio para o resto da vida mas se não conseguir vai ter que pagar cada centavo com muitos juros, como de costume. Afinal o Banco nunca pode perder. Por tras dele tem um tal "Investidor Anjo" que é um anjinho, não pode perder...

Enfim, não gosto de chamar de revolução pq não vejo nada que não tenha visto antes. Mas tava na hora de darmos um salto evolutivo sim nesses projetos do dia a dia, um salto para o mercado!

Bom dia Eduardo, 

Eu também acho que o mercado ainda é bem limitado à um público pequeno. 

Mas estamos no início. Concorda que tudo será interligado ? Eu não tenho dívida sobre isso !

Fiz o questionamento, pois estou com uma demanda (fazer um tutorial). 

Eu imagino aplicações práticas e úteis, como :

- Monitoramento de alarme residencial - imagine você receber uma mensagem - alguém tentou invadir a sua casa - veja a foto do invasor. Pode ficar tranquilo, o invasor desistiu e foi embora.

- Porteiro residencial remoto - Você esta no trabalho e recebe essa mensagem - O entregador do correios esta na sua porta - quer falar com ele ? Posso autorizar o recebimento ? Ai abre uma caixa grande automática, para o carteiro deixar a encomenda. 

- Monitoramento de água em casa - Você recebe essa mensagem no smartphone e no email = Sr morador, baseando-se em gastos mensais de água em sua residência, existe uma possibilidade de vazamento. Sugiro que faça uma verificação. 

- Monitoramento de energia : Você recebe essa mensagem no smartphone e no email = Sr morador, a casa esta vazia e o ferro de passar continua ligado. Deseja que ele seja desligado ? 

Quem for criativo e objetivo vai ganhar dinheiro com isso !

Obrigado pelos comentários. 

Abraços. Gustavo Murta 

Monitoramento de alarme residencial Otimo, precisa chegar na prateleira, pq se vc colocar um simples arduino que dispara uma pagina web que é um bot pronto do telegram vc já recebe um telegram da infomação. Ta pronto, é só vender:

https://create.arduino.cc/projecthub/Arduino_Genuino/telegram-bot-l...

Porteiro residencial remoto se vc pegar aquele "celular de gaveta" com a tecla send, ligar para o seu número, desligar e enfiar ele na caixinha da campainha, com um fio pra carregar e ligar o botão da campainha no SEND vc já fez o projeto. O SEND redisca para o ultimo numero. Se for um S45 da siemens (salvo engano e´esse) tem um modo viva voz automático. Faz todas as ligações em viva voz por default. Pronto. Senão vc precisa de um fone com microfone e colocar um speaker no lugar da capsula.

Monitoramento de água em casa Já existem rádios para relogios de agua a muuuitos anos. São usados em condomínios para leitura remota em indiidualização:

http://www.manausambiental.com.br/manaus-ambiental-%C3%A9-pioneira-...

Se captar o protocolo com o Arduino ta feito. Eh em 433,92 e manda a leitura a cada 8 segundos.

Monitoramento de energia - Perfeito, mas não precisa de mais nada, só fazer... Imagino uma pastilha com um pino que vc parafusa junto com o fio no disjuntor. Mediria a corrente por forma indutiva (trafo de corrente) e a tensão por um fio+resistor (para não propagar desgraça (raios, por ex)). Enfim, um retrofit no quadro de força atual. Não faria a parte de atuar assim pelo quadro, mas mediria pelo quadro, por circuito. Ou mesmo idem, só que dentro da caixinha de passagem. Algo como um novo modelo de caixinha de passagem com um pouco mais de espaço para caber a eletronica necessária. Enfim, sem novidade.

Digo, nada mais precisa ser inventado pra que possamos realizar esses sonhos. Nenhuma plataforma, nenhuma tecnologia. Está tudo aí, equacionado, exemplificado, gratuíto ou barato, fácil, confiável, etc. Só falta a coragem de por pra vender e ficar rico. Aih alguem vai lá e faz, vem o sentimento de "poh eu podia ter feito um desses".

Infelizmente não é pra mim, eu não consigo mais empreender, não sou bom vendedor. Daria tiros no pé por ser sincero, característica que estraga um vendedor. Mas fica a dica para quem tem a jovialidade que me falta.

Espero que tenham entendido que não quero "jogar um balde de agua" no IoT, muito pelo contrário, quero dar um chute ! Um chute te leva para frente ! Mostrar que já vivemos isso. Se não temos nas nossas casas é pq não está no mercado. Se não está no mercado é pq pessoas como nós não colocaram lá.

Boa tarde amigo Eduardo, 

De forma alguma você jogou um balde de água fria ! 

Tenho as minhas idéias e projetos na minha lista. 

Vou realizando meus projetos de acordo com a minha prioridade. 

E nesse momento, tenho que fazer um tutorial sobre IOT. 

O que desafia você atualmente? Vamos ajuntar uma galera aqui no Lab e fazer um projeto em grupo. 

O que acha ? 

Abraços ! 

Gustavo 

Hoje penso em como fazer esse conhecimento todo, da massa, virar dinheiro.

Ok, fundamentalistas dirão que estou com um discurso capitalista opressor, mas... É o que temos no momento. Precisamos mais que sobreviver, precisamos crescer.

Como transformar energia potencial de desenvolvimento em energia cinética de desenvolvimento ?

E gerar que seja uma campainha por wifi que toca no seu celular mas que esteja no mercado. Ainda que sem loja, só via mercadolivre. Um módulo que vc liga em paralelo com a campainha e ele por wifi manda o sinal para seu cel por sms, Telegram, etc.

Não vale uma placa de desenvolvimento, tem que ser um produto de consumo, com caixinha, manual, codigo de barras e garantia.

Relendo o que escrevi tb acho que peguei pesado, mas a critica é mais ao fato de chamarem o I4.0 de revulução e não ao IoT. O IoT em momento algum se propos a ser uma revolução. É apenas a evolução natural e opcional das coisas. 

Sobre o projeto da caixinha de campainha WIFI, tem um menino de 16 anos (na época) que ficou famoso na Europa, pois desenvolveu um projeto desses. Acho que foi com o Raspberry Pi .Vou procurar e colocar mais informação aqui. 

Meu grande sonho é trabalhar com robótica !

Não existirá futuro, sem a gente ter um robozinho do lado da gente - eu tenho essa certeza. O Japão e França estão investindo pesado em robótica, pois eles estão apavorados ! Não vão ter gente para cuidar dos idosos. 

Por enquanto estou comendo o prato de sopa pelas beiradas, pois é mais frio (fácil). KKKK

Se acompanha os meus tutoriais :

- Estudo completo sobre motores de passo ( aprendi muito além do que eu já sabia). 

- Estudo avançado de controle de motores BLDC ( aprendi quase que do zero) 

  (consegui fazer um controlador girar o motor ! Precário, mas funcionou) 

- Estudando a fundo os Microcontroladores baratos e eficientes ( ESP8266 e ESP32) .

- Estudo sobre carregadores de bateria de Lítio (já estou quase lá- estudei muito e já tenho idéias muito boas para o meu carregador) .

OBS = no meu Blog, o tópico sobre Carregadores de Bateria de Li-Ion é o que mais desperta interesse. Mesmo sendo escrito em Português, tem gente do mundo inteiro acessado esse tópico ! USA, Rússia, Austrália, Europa, etc. 

Abraços 

Gustavo 

Olá pessoal,

Isso é a pura verdade, o mundo IoT estava caminhando devagar porém agora está acelerando cada vez mais. Não para de aparecer novos dispositivos, novos módulos MCU, novos protocolos, novas arquiteturas e gigantes como Google, Amazon, Cisco, Micosoft, Logitech, e muitos outros não param de investir cada vez mais.

Também vejo a robótica, cnc e impressora 3D sendo mastigado, aperfeiçoado e ficando cada vez mais barato, sendo acessível a cada vez mais pessoas, o que certamente fará com que a tecnologia e comércio avance cada vez mais.

Outro ponto que venho parabenizar o colega Gustavo é sobre o blog que ele vem criando com uma qualidade incrível e que não posso deixar de ler cada artigo.

Quase todos os artigos vem de encontro com o que venho pesquisando e também tenho milhares de idéias também. Por exemplo: Quero desenvolver um carregador de bateria inteligente baseado no Litokala 500.

Acompanhem também o site do nosso colega CK no http://carloskwiek.com.br/

Grande abraço, 'Eiju

Obrigado amigo Celso, pelos elogios !

Grande abraço. 

Gustavo 

Adorei esse projeto IOT com o Telegram

https://create.arduino.cc/projecthub/Arduino_Genuino/telegram-bot-l...

Vou dar uma estudada. Valeu pela dica.

Obrigado. 

Gustavo 

Olá Eduardo

Concordo e assino embaixo sobre tudo o que você falou. Eu trabalho com automação há 25 anos,  e  queria , mas ainda não vi nada de revolucionário no conceito de IOT, por mais que os gurus vendam a idéia. E pior todo descolado principalmente palestrantes, muitos empreendedores de palco, tem que falar sobre IOT.

Mas estou sempre de olho esperando encontrar projetos fora do protoboard e funcionando de forma continua, mesmo que ainda seja um protótipo. A palavra chave para automação é confiabilidade e segurança e vejo pouco disso.

Alguns podem dizer que o projeto é 99% confiável, mas esse um por cento pode matar o peixinho!!

Eduardo vamos ficar de olho, quem sabe não aparece uma revolução.

Abraço

Boa tarde Marco, 

Qual tipo de automação você trabalha ? Industrial, comercial ou residencial ?

A WEB esta lotada de projetos de IOT, mais para a área residencial. 

Obrigado por comentar.

Gustavo 

RSS

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2018   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço