Colegas do Lab, bom dia. 

Recentemente postei um tópico sobre a engenharia eletrônica no Brasil. Achei que iniciaria uma ampla discussão sobre o assunto, mas somente alguns poucos entraram na discussão. O Brasil como eu comentei, é ignorante em eletrônica. Ignorante no sentido de que poucos estudam sobre essa tecnologia. Poucos sabem a fundo, poucos se interessam. 

http://labdegaragem.com/forum/topics/curso-de-engenharia-eletr-nica...

Enquanto todos os países desenvolvidos consideram a Eletrônica com uma industria essencial, o Brasil desconhece o que é uma indústria eletrônica. Há algumas décadas atrás, já tivemos aqui indústria que montava chips. Não eram fabricados aqui, mas somente montados. Não era grande coisa, mas já era um passo para o desenvolvimento dessa tecnologia aqui. 

Posso estar enganado, mas não conheço nenhuma grande fábrica de chips ou de componentes eletrônicos aqui no Brasil. Apesar do Brasil ser um dos maiores produtores e fornecedores de Silício  do mundo. Isto é, a gente vende areia de silício, para depois importar os chips prontos. Isso me preocupa muito.

Não somente fábrica de chips. Fabrica de produtos eletrônicos também. Aqui no Brasil só temos montadoras ! Montadoras de TVs, de PCs, de smartphones, etc. Nada é produzido aqui, só montado.Nada é projetado e desenvolvido aqui. Os projetos já vem prontos e são montados aqui com 100% de componentes importados. 

Nos meus mais de quarenta anos de estudos em eletrônica, estou sempre atento á tudo que se refere sobre o assunto. Acompanhei a todos avanços e retrocessos dessa tecnologia aqui, no Brasil. No meu  parecer de especialista em eletrônica, considero que o Brasil esta atrasado na tecnologia de Eletrônica uns 30 anos. E como não temos escolas voltadas para isso e  não temos incentivos para a indústria, esse atraso tende ser maior ainda. Isso me frusta e revolta muito. 

Você discorda de mim? Trabalha ou conhece alguma indústria eletrônica importante para o Brasil ?

Comente o que acha sobre esse assunto. Acho importante que esse assunto seja discutido e que o governo fique sabendo disso. Acho que nem ele identifica esse problema. 

Obrigado pela atenção.

Exibições: 98

Responder esta

Respostas a este tópico

Para quem desconhece a história da Indústria eletrônica no Brasil, esse chips foram fabricados (montados) no Brasil. 

Fábrica da Texas Instruments no Brasil :

https://pt.wikipedia.org/wiki/Texas_Instruments

"Na década de 1970 a TI continuou a expandir-se mundialmente. Em 1971 inventa o microcomputador de um único chip e recebe a primeira patente por esse invento. Em 1972 abre um escritório de importação no Brasil, passando no ano seguinte, devido a reserva de mercado brasileira, a fabricar diversos componentes no país. Ainda em 1973, inicia a fabricação e venda de toda sua linha de calculadoras em Campinas, interior de São Paulo, através da Texas Instrumentos Eletrônicos do Brasil Ltda, posteriormente a produção é movida para Z.F.M, as calculadoras seriam ainda fabricadas por quase uma década pelas Indústrias Gerais da Amazônia S.A. Em 1973 é estabelecida a Texas Instruments Equipamento Electrónico, Lda., em Portugal. "

Fábrica SID Microeletronica :

https://super.abril.com.br/tecnologia/o-micromundo-dos-chips/      (notícias de 1988)

"A SID Microeletrônica, subsidiária da Sharp, com sede em Contagem, a 10 quilômetros de Belo Horizonte, é uma das três empresas brasileiras do setor mais avançadas em termos de tecnologia de chips. Mesmo assim, por enquanto, ela só trabalha com circuitos lineares. “No ano que vem”, prevê seu diretor industrial, o engenheiro Wilson Leal, “começamos a fabricar circuitos para memórias.” As outras duas empresas, Itautec Componentes e Elebra, desenham circuitos e realizam o estágio final de produção do chip—teste, montagem e encapsulamento. O restante é realizado por indústrias estrangeiras.

Não encontrei informações sobre as fábricas IBRAPE, Itautec e IC. 

Veja o sonho longe da realidade: 

http://revistapesquisa.fapesp.br/2018/04/19/o-sonho-do-chip/

http://www.brasil.gov.br/noticias/educacao-e-ciencia/2015/02/brasil...

http://www.telesintese.com.br/finep-e-bndes-voltam-discutir-recompo...

https://jornalggn.com.br/tecnologia/o-fiasco-do-chip-brasileiro/

https://bv.fapesp.br/namidia/noticia/8331/faltam-engenheiros-produc...

minha opinião é que o Brasil não tem competência para isso.

Eu acho que o Brasil nunca mais largar de ser dependente de outros países para produtos eletrônicos .

exemplo tvs pcs celular .

se dependermos dos governantes e da população.

eu acho que os brasileiros na sua maioria gosta de carnaval e futebol.

KKKK, acho que você tem toda a razão. 

Realmente ainda não temos engenheiros formados para tal competência. 

Por isso é importante a criação de cursos voltados para o desenvolvimento de tecnologia eletrônica. 

Abraços,

Gustavo Murta 

RSS

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2019   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço