As Lâmpadas de LED atuais são de baixa potência, apesar de produzirem um boa iluminação. 

Isto é, são muito eficientes na produção de energia luminosa. 

Não sei se já abriram uma lâmpada dessas, para descobrir como funcionam.

Já abri algumas e percebi que todas lampadas de LED 127V ou 220V CA possuem internamente uma mini-fonte CC. É claro, pois como todos sabem, o LED é um diodo e somente conduz a energia em um sentido. Por isso precisam de corrente contínua para produzirem luz.

Recentemente estava pensando sobre isso. Por que não desenvolver um sistema de iluminação com energia CC de 12V ? 

Acho que com o uso dessa energia CC poderia baratear o sistema, otimizar o uso da energia, baratear o controle, permitir o uso de No-break com uma bateria de 12V, etc. 

O que acham da minha idéia ? 

Exibições: 11459

Responder esta

Respostas a este tópico

Vantagens que eu percebo, no meu ponto de vista:

- fiação mais fina, mais barata , mais fácil de passar pelos tubos, 

- interruptores mais baratos e menores, 

- elimina praticamente o risco de choque elétrico, 

- uso de uma bateria de 12V, como No-break, 

- Dimerização da luz super simples e eficiente, 

- facilitaria o uso de células solares para o uso na iluminação, 

Fico imaginando , quando ocorresse uma queda de energia à noite durante uma chuva forte. 

E a sua residência toda iluminada por um bateria de 12 V !

Fantástico ! 

Imagine um sistema de células solares carregando as baterias durante o dia. 

E a noite usando a iluminação alimentadas pelas baterias !

A vantagem nesse caso seria a maior eficiência do uso da energia. 

No caso do uso dos conversores CC/CA existe perda de energia. 

a fiação fica mais grossa.

vai diminuir a tensão e aumentar a corrente, se usar fios muito finos, além de um possível aquecimento, vai ocorrer queda de tensão.

Em usinas hidreeletricas se utiliza como fonte de equipamentos (CLPs, relês de proteção, etc), até alguns motores, iluminação de emergencia, 125VCC.

Eu já pensei em fazer coisa semelhante.

Jeferson , a corrente usada em iluminação é muito baixa. 

Lembre-se que a proposta é somente para iluminação !

Pode usar fios finos sem problemas !

ja pensei tb nisso melhor opçao é foto celula, mais tambem pensei usar é 2 bateria de carro que carrega as bateria durante dia e anoite ela suprem e nos dia de chuva, por isso 2 bateria pra suprir maximo 3 dias eu axo mais fiz uma pequena inversão e tirei esse transformador, quebrou comigo pq usei alguns resistor pra diminuir pouco queimou os resistor e led fiz 2 vezes ai parei kkkkkk mais vc ta na direção certa á ideia é boa viu

Oi JG, boa noite.

Eu estou colecionando lampadas de LED pifadas. kkk

O meu cunhado comprou 30 lampadas em um site da china, mas umas 5 pifaram num prazo de 2 meses.

Muito alto  índice de defeito.

Algumas, com o soprador de ar quente, eu troquei o LED que queimou.

Elas tem uma fonte assim.

Um lado da rede é o comum, o outro lado tem um capacitor que varia de 0.8uF até 1.5uf por 400v, dependendo da quantidade de tiras de LED (potencia luminosa).

Após o resistor tem um pequena ponte retificadora de onda completa e um capacitor de 1uf por 400v.

Depois tem um resistor, onde esta ligado a sequencia de tiras de LED. (As tiras são Ligadas em serie/paralelo).

Da pra fazer sim uma mudança e liga-los em paralelos e aplicar 12V, mas acho que a corrente da alimentação vai ser alta, e se for fazer para iluminar a casa, será preciso  avaliar a fiação.

Rui

 

Rui , nas lampadas que eu desmontei tinham mini-fontes com chips reguladores de tensão pulsante . 

Como o WS3441: 

http://www.winsemi.com/en/upload/20140617021135_1530.pdf

Esses chips foram desenvolvidos exclusivamente para lâmpadas LED. 

O legal é que aceitam uma larga faixa de tensão CA - 90 a 240V !

As correntes são baixas ! Uma lampada de 12W ( que corresponde aproximadamente à uma de 100W incandescente) consome somente 1 ampére  se for alimentada com 12V. 

Olha as que eu desmontei:

Não tem um chip regulador na parte debaixo ?

Oi JG, bom dia

Não.

Eu desmontei algumas, e por baixo não tem nada. 

Só mesmo a ponte os resistores e os capacitores.

Posta uma foto da parte de LEd da sua lampada.

Rui

Galera, ontem eu fiz o levantamento do circuito da Lampada Kian 7W.

Usando o meu procedimento fotográfico de engenharia reversa. 

https://www.flickr.com/photos/jgustavoam/sets/72157638878341744/

Assim que eu conseguir editar o diagrama do circuito, eu o divulgarei. 

Estudando o data sheet do chip WS3441, tive uma grata surpresa !

O circuito pode ser alimentado também por 12V cc !

Vou estudar como modificar o circuito. Depois postarei os testes. 

"The WS3441 is a high precision constant current controller,
designed for non-isolated buck LED driver. It can operate
under universal AC input or 12V~500V DC input."

O WS3441 é um controlador de corrente constante de alta precisão,
concebido para um  LED Buck driver não-isolado. Ele pode operar
sob entrada CA universal ou entrada de 12V ~ 500V CC.

Você está muito na minha frente.

Como não tenho todo esse conhecimento, estou fućando no básico, tentanto montar um protótipo simples, comećando do zero:

Estive olhando os leds: http://www.betlux.com/product/SMD_LED/BL-LS2012A0E1.PDF

Trabalham na faixa de 2 a 4.8V, em 20 mA.Um módulo de painel solar comum, daqueles pequenos, trabalha com multiplos de 3V, 6V e 12V. São montados em séries de 2 ou 4, para fornecer múltiplos de 3, 6 e 12.

Tenho 2 painéizinhos de 3V, pensei em comprar mais 2, montá-los em série e obter 12V.

Daí comprar uma bateria de 12 V daquelas de moto, fazer a interface entre célula e bateria, como num carregador de baterias, e um regulador entre a bateria e uma fita de leds, que também é de 12V.

Não achei fita de led de 6V no mercadolivre, seria ideal, porque dissiparia menos energia térmica no resistor e mais energia luminosa no led.

RSS

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2017   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço