Função ler CARTÃO RFID MFRC522 gravado na EEPROM {RESOLVIDO}

Boa noite amigos garagistas

Estou tentando desenvolver um sistema Cashless - comprar sem dinheiro (gravar crédito/dinheiro no cartão) e a função que faz a leitura dos cartões cadastrados na memória, que estou usando, postado aqui: https://pastebin.com/FVuEnXwr , não carrega os cartões para a variável se a função do teclado Keypad 4x4 estiver habilitada. Quando é comentada carrega os cartões normalmente.

Já alterei por uma vez, totalmente a forma de entrada de dados do teclado e continua o mesmo conflito. Então agora estou optando em alterar esta função...

Gostaria se puderem, ajuda para elaborar outra estrutura/forma da função para leitura dos cartões na EEPROM.

A forma padrão da identificação do cartão gravado na memória é: F8 A8 09 12 (quatro conjuntos de dois digitos - só numero ou número e letra, separado por um espaço em branco). Não exatamente este código.

Ficarei grato em poder contar com alguma colaboração para solucionar este conflito.

Exibições: 103

Responder esta

Respostas a este tópico

Se alguém passar pela mesma dificuldade que eu, e quiser tentar uma solução diferente, segue link de um projeto (estrutura completa) que foi desenvolvido de outra forma, com a mesma finalidade:  http://www.efeitonerd.com.br/2017/11/controle-de-acesso-com-rfid-e-... 

Ainda não testei para ver se vai resolver a minha questão de conflito. Depois posto o resultado...

Só estou postando por não ter tido contribuição, então imaginei que ninguém conhecesse outra forma de desenvolvimento para a mesma finalidade.

Bom dia RCB,

Olha como funciona aquele sistema de tag RFID.

O que te passei não tem a parte do teclado, mas esta vc pode fazer fácil facil.

RV

Anexos

Boa noite

Problema resolvido!

Resolvi postar, pois possa ser que alguém passe pela mesma situação de principiante como eu.

Acabei descobrindo que se tratava de uso excessivo da memória dinâmica, a qual estava a mais de 70%, que inclusive apresentava uma mensagem informado que poderia causar instabilidade/inconsistência no sistema... Foi quando então realizei o procedimento de que todas instrução de impressão (Serial.print("x") e lcd.print("x"))  fosse para a memória Flash com a copilação, o que no meu caso abaixou o uso da memória para menos de 45%. O procedimento é bem simples, basta acrescentar dois parenteses e um F; assim: Serial.print(F("xxx")); pronto, é só copilar que já vai pra memória Flash!!!

RSS

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2019   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço