----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Mesmo que você deseje utilizar o clock interno do Arduino, é necessário utilizar um cristal externo para essa parte. Salvo os casos onde o microcontrolador nunca foi alterado. E ele não precisa ser de 16MHz, com um de 4MHz também funcionará.

Além das ligações mostradas anteriormente, será necessário ligar o Arduino ao microcontrolador. Sendo que os pinos 11-13 do Arduino são ligados nos pinos 17-19 do microcontrolador. Os pinos 17-19 são os correspondentes dos pinos 11-13. Além disso, é necessário ligar o pino 10 no pino Reset do microcontrolador.

No software do Arduino, vá em Ferramentas > Programador e selecione “Arduino as ISP”. Por fim, vá em Ferramentas > Gravar Bootloader. Alguns segundos depois, o procedimento deve estar concluído e o microcontrolador estará pronto para ser utilizado. Se acontecer algum erro, confira as ligações, a programação e não deixe de utilizar um cristal.

Bootloader clock interno
Para gravar um bootloader que utilize o clock interno do microcontrolador será necessário baixar um componente. Entre neste link e baixe os arquivos. Com o zip baixado, vá na pasta onde ficam localizados as suas sketchs do Arduino (no meu caso é na pasta “Documentos”). Feito isso, crie uma pasta chamada “hardware”, se já não existir. Dentro desta pasta extraia o arquivo baixado.

Reabra o Arduino, vá em Ferramentas>Placa e clique em ATMega328. Quando fizer isto, uma série de opções irão aparecer no menu Ferramentas. Se você não conhece o que são, altere apenas a opção clock para “8MHz Internal”. Por fim, seguindo os procedimentos do tópico anterior, clique em “Gravar Bootloader” no menu Ferramentas.

Se acontecer algum erro, confira as ligações, a programação e não deixe de utilizar um cristal.

Fazer upload
É a mesma configuração do bootloader: a placa tem que estar com a sketch ArduinoIsp e a configuração de “Programador” tem que ser “Arduino as ISP”. O circuito também é o mesmo. Se você gravou o bootloader para usar o clock interno, agora não é mais necessário usar o cristal externo.

A última etapa é criar o seu código para inserir no microcontrolador. E antes de clicar em upload segure SHIFT e você verá uma mensagem ao lado “Carregar usando programador”. Se a mensagem apareceu, é só clicar no botão.

Agora basta usar a imaginação e tornar seus projetos mais profissionais. Lembrando que, no caso de usar o clock interno, o cristal de 16MHz e os capacitores não são necessários. O que não pode faltar é a alimentação e o resistor de pull-up no pino RESET.

http://mundoprojetado.com.br/arduino-como-usar-o-microcontrolador-f...

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Exibições: 52

As respostas para este tópico estão encerradas.

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2020   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço