Galera bom dia !

A algumas semanas, tenho pesquisado circuitos de carregadores de Bateria Selada de Chumbo. 

Tenho uma dessas de 12V e 7Ah. E finalmente encontrei um circuito que estou testando. 

Na própria bateria esta escrito : 

- Corrente constante de Carga a 25 C 

- Carga constante : 13,5V / 13,8V 

- Carga Eventual : 14,5V / 15,0V

- Corrente inicial de Carga Max : 2,16A

Pesquisando na minha Biblioteca de Revistas, encontrei um circuito bem interessante na Elektor de 1988. (27 anos). Depois percebi, pesquisando no Google, que muitos copiaram esse circuito. 

Deve ser porque é bom e barato e funciona!

Fiz essa montagem no Protoboard. E no momento estou carregando a Bateria. 

Nesse diagrama, o circuito é para bateria de 6V. Como o meu circuito é para Bateria de 12V, 

algumas alterações são necessárias. 

O potenciômetro P1 que estou usando é de 2000 ohms. Assim dá para ajustar a tensão de carga para 13,8 V (Medição entre os polos da bateria ). Como eu não tinha um resistor R1 de 0,56 eu estou usando um de 0,5 ohms. A corrente de carga estava em 0,85 A e esta decrescendo, enquanto a bateria esta sendo carregada com a tensão constante de 13,8V.

Na saída positivo do carregador,  acrescentei um Diodo 1N4001, para evitar ligação invertida dos polos da bateria.

No caso do transistor T1 estou usando um BC548, mais comum. 

https://www.fairchildsemi.com/datasheets/BC/BC547.pdf

                                         LM317 

                                       

                     BC 548

   

Como algumas vezes eu já disse aqui no forum, sou favorável que a gente recicle componentes e equipamentos eletrônicos !

Por isso estou usando uma fonte de alimentação de um Laptop antigo fora de uso. 

A fonte é da Sony modelo Vaio - 19,5V / 4,7A - mais do que suficiente para alimentar o carregador. A tensão de alimentação tem que ser pelo menos 3V acima da tensão de carga. 

( 14 V + 3 V = 17 V) .

O circuito esta funcionando muito bem. Lembrando que é necessário montar o regulador LM317 em um dissipador de calor, pois ele esquenta um pouco. 

http://www.ti.com/lit/ds/symlink/lm317.pdf

Cortei o cabo DC da fonte e usei os conectores XT60, para fazer as conexões .

Espero que gostem !

Exibições: 18605

Responder esta

Respostas a este tópico

Obrigado Murta! Entendido. O problema é se a bateria "Machuca" a gene kkkk. Por este motivo eu quero fazer certinho! 

Yuri, gostei da sua ideia, estou montando um circuito já faz alguns dias e estou com dificuldade.

Preciso fazer a mesma coisa que você, usar a bateria apenas quando a energia acabar.

No meu caso, preciso alimentar uma placa Orange Pi, com 5 volts, para isso apenas adicionei um 7805 neste circuito do Murta e fiz algumas modificações.

Meu problema é que a Orange Pi não pode desligar nem por 1 segundo, pois reinicia e meu sistema demora quase 1 minuto pra iniciar completamente, e quando o relé muda de status para puxar carga da bateria ao invés da fonte, tem uma pequena queda de energia... tentei usar um capacitor mas não deu muito certo.

Não sei se eu deveria substituir o relé por alguma outra coisa, ou colocar algum componente pra monitorar a fonte, quando a tensão cair de 19v para uns 16v eu já aciono o relé.

Tem alguma ideia de como eu resolvo isso?

Valeu, abraços.

Guilherme bom dia , 

Hoje existem os chamados super capacitores, que podem ser usados até para substituir baterias.

Mas eles tem limitação de tensão sobre os contatos.(a tensão máxima é de aproximadamente 2,5V).

https://pt.wikipedia.org/wiki/Supercapacitores

http://www.newtoncbraga.com.br/index.php/eletronica/52-artigos-dive...

Mas você já citou a solução para o seu problema:

algum componente pra monitorar a fonte, quando a tensão cair de 19v para uns 16v eu já aciono o relé.".

O componente recomendado nesse caso é um comparador de tensão. 

https://www.allaboutcircuits.com/textbook/experiments/chpt-6/voltag...

http://www.electronics-tutorials.ws/opamp/op-amp-comparator.html

Um exemplo do uso de comparador :

http://www.electroschematics.com/6079/automatic-battery-charger/

Muito obrigado pela ajuda Murta, vou fazer testes com o circuito, depois mando o resultado aqui.

Guilherme Arthur tudo bom?? Então cara, eu desisti desse circuito. Resolvi fazer um analogico, pois precisei mais de pinos do atmega. Fiz um circuito simples quase igual a esse do Murta, eu só coloquei um diodo zener para ele ter o controle "automático".  eu medi tambem o tempo do rele quando cai a energia para ligar o ponto da bateria, se eu nao me engano é 100ms. Depois eu vou refazer e te falo certinho.

Cadê o chat do labdegaragem????

Valeu pessoal

Valeu pela dica Yuri, eu tinha pensado em colocar um diodo zener mas não manjo muito de eletrônica e estou sem tempo para pesquisar, nunca usei zener nos meus circuitos rsrs... mas vou fazer um teste aqui no meu protoboard, talvez amanhã, tomara que dê certo.

Obrigado pela ajuda.

Abraços, até mais.

A melhor opção, é usar um MOSFET para fazer um chaveamento rápido, tempo de resposta para condução é entorno de 10ns, dependendo do transistor.

José, 

Muito bacana seu trabalho, dei uma estudada em baterias por algum tempo e tive um professor mestre em baterias, professor e Dr. Marcos Wilson Pereira das Chagas. Com o estudo de Baterias chumbo ácido reguladas por válvulas, foi possível entender que não são realmente seladas devido seus processos químicos (liberações de gases).

Nos estudos que realizei deu para ver que a bateria sofre no tempo de vida útil em função da temperatura, sendo ela a cima ou abaixo da determinada pelos fabricantes, os 25ºC.

Para utilização de baixas temperaturas em baterias, temos a desaceleração do processo químico, portanto, serve para guardar uma bateria que não esteja sendo utilizada no momento, pois sua taxa de descarga é lenta.

Já para elevadas temperaturas, temos a aceleração da reação química, onde visivelmente deteriora a bateria, é tão ruim ter uma bateria dessas a 30ºC, que seu tempo de vida útil á 25ºC durando 4 anos, cai para 2 anos.

Sobre a tensão de carregamento:

internamente temos os denominados "elementos" nas baterias, estes elementos possuem uma tensão de aproximadamente 2v, uma bateria desta é composta por 6 elementos, (2 * 6) assim temos 12V, a tensão ideal de carga máxima por elemento é de aproximadamente 2,3V, portanto, bastaria aplicar uma tensão de 13,8 nas baterias que elas carregariam, mas de forma bruta e sem limitação da corrente de carga.

Os fabricantes utilizam tensões de 13,6 a 13,8 (Ideal, denominado carga lenta) e também 14,1 a 14,4 (carga rápida, que eu não aconselho).

Carregador:

O ideal de um carregador é possuir um medidor de corrente, pois temos duas tensões diferentes no carregamento, e sabemos que quando temos duas ou mais fontes de tensão diferentes em paralelo, uma fonte irá consumir da outra, então a bateria irá consumir do carregador. Com base nestes fatos, podemos aplicar 12V do carregador diretamente na bateria, se ela consumir corrente, deixamos até que o consumo seja próximo de 0A, quando o consumo for de 0A, aumentamos o valor da tensão em aproximadamente 0,4V, assim a bateria irá novamente consumir corrente da fonte/carregador, realizamos este processo até a bateria chegar em seus 13,8V, quando ela estabilizar em 13,8V, deixamos o carregador apenas com uma tensão de flutuação. Esse sistema para um  carregador inteligente, utilizando micro controlador.

Trabalho com no-breaks, se eu puder ajudar em algo é só avisar.

quanto ao circuito, é bacana e barato, ficou show de bola a placa! 

Att, 

Leonardo Hilgemberg Lopes.

Obrigado Leonardo ! 

Esse circuito do carregador, como eu já disse, foi divulgado na Revista Elektor há 28 anos atrás. 

Estudei baterias de chumbo, acessando informações em livros, revistas e nesse site que sempre indico (É uma Bíblia sobre baterias ) :

http://batteryuniversity.com/learn/

Tenho realizado estudos em baterias de Ion de Litio também (mais modernas) :

https://jgamblog.wordpress.com/2017/01/05/projeto-carregador-de-bat...

Obrigado por campartilhar seus conhecimentos.

Abraços. 

Gustavo Murta 

RSS

Destaques

Registre-se no
Lab de Garagem
Clicando aqui

Convide um
amigo para fazer
parte

curso gratis de arduino

© 2017   Criado por Marcelo Rodrigues.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço